Município trabalha em pontos críticos para resolver situações emergenciais causadas pelo vendaval de quinta-feira
CATEGORIA: COMUNICAÇÃO - 02 DE DEZEMBRO 2022

  318
Município trabalha em pontos críticos para resolver situações emergenciais causadas pelo vendaval de quinta-feira

A forte chuva e vendaval registrados no início da noite desta quinta-feira, dia 1º de dezembro, causaram vários estragos em diferentes escalas de risco em Paranavaí. Logo que a chuva cessou, as equipes da Defesa Civil e da Prefeitura iniciaram imediatamente o levantamento dos pontos críticos por toda a cidade. Na manhã desta quarta-feira (2), o prefeito Delegado KIQ reuniu os secretários municipais e técnicos de diversas áreas para definir o plano de ação.


Inicialmente, foram identificados alguns pontos críticos que estão sendo tratados como prioritários. Felizmente, até o momento, não houve nenhum registro de pessoas feridas, assim como não há conhecimento de casos de deslizamentos. Na Ouvidoria Municipal, já há protocolos abertos por destelhamento.


O município identificou 9 árvores caídas e muitos galhos espalhados pelas ruas de Paranavaí. Em locais onde houve casos de rompimento de energia e fios nas ruas, todos já foram desligados e a Copel está em força-tarefa para regularizar a situação. A região mais afetada foi o Jardim São Jorge. 


O Centro de Eventos de Paranavaí e a Rodoviária tiveram alguns vidros quebrados. Nos equipamentos culturais, foram detectados prejuízos na sede da Fundação Cultural, Biblioteca Municipal e Casa da Cultura.


Já no Paço Municipal, uma equipe de engenheiros está fazendo uma inspeção para verificar possíveis estragos. Durante a chuva, houve a queda de parte do teto em uma das viaturas da Ditran, que ficou danificada. Parte da decoração de natal da Praça Portugal também foi afetada.


Quem tiver conhecimento de situações de pessoas desalojadas/desabrigadas ou quiserem solicitar atendimento de outros tipos de estragos causados pelas chuvas, devem registrar o protocolo através da Ouvidoria Municipal pelo telefone 156, durante o horário comercial. 


Em situações de urgência ou fora do horário comercial, os protocolos devem ser feitos através da Guarda Municipal, pelo telefone 153.


Em casos de risco de desabamento ou situações de urgência, a população deve acionar diretamente o Corpo de Bombeiros, através do telefone 193.
 

Galeria de Fotos





© COPYRIGHT 2017 - CNPJ: 76.977.768/0001-81 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.