Município publica Portaria com normas para funcionamento de clubes e associações esportivas
CATEGORIA: COMUNICAÇÃO - 11 DE SETEMBRO 2020

  442
Município publica Portaria com normas para funcionamento de clubes e associações esportivas

O município de Paranavaí publicou nesta sexta-feira (10) a Portaria 846/2020 que regulamenta as condições de funcionamento de clubes recreativos, associações esportivas, arenas de futebol, quadras esportivas, empresas de exploração de espaços e congêneres durante a pandemia de Covid-19, também incluindo as regras para jogos profissionais e organizados por Federações Esportivas.

 

A fiscalização em horários excepcionais caberá à Guarda Municipal (GM). Para conferir a Portaria na íntegra, basta acessar o link https://bit.ly/2ZvrUcV

 

O responsável pelo estabelecimento assinará o termo de responsabilidade sanitária em duas vias e protocolará na Diretoria de Vigilância em Saúde comprometendo-se a funcionar dentro dos parâmetros estabelecidos, ficando a reabertura condicionada a este protocolo. O não cumprimento resultará em sanções administrativas.

 

 

Algumas das regras gerais:

- É obrigatório o uso de máscara no interior do estabelecimento, de acordo com a Lei Estadual nº 20.189/20, de 28 de abril de 2020, que dispõe sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras no Estado do Paraná, sendo obrigatório seu uso durante a prática de exercícios físicos.

 

- Deve o estabelecimento disponibilizar nas portas de entrada pedilúvio (solução de água sanitária ou desinfetante para uso geral) trocando sempre que necessário.

 

- Deve o estabelecimento disponibilizar álcool 70% nas entradas dos estabelecimentos e em locais de fácil acesso a todos como recepção, administrativo, área de campo, sanitários, entre outros.

 

- Realizar a aferição da temperatura dos atletas e colaboradores com a finalidade de verificar a existência de estado febril. Sendo proibida a entrada de pessoas com temperatura acima de 37,2º C e/ou com presença de qualquer outro sintoma de gripe ou resfriado, devendo ser orientado a procura de auxílio médico imediato.

 

- Cabe ao estabelecimento controlar o fluxo de pessoas nos locais internos, como recepção, áreas administrativas e outros locais dentro de suas dependências, cabendo ao estabelecimento a responsabilidade de manter o distanciamento social mínimo a entre as pessoas de, no mínimo 2m.

 

- Não é permitida a presença de acompanhantes para que não haja aglomerações, exceto em situações excepcionais respaldadas por lei.
 

 

 



© COPYRIGHT 2017 - CNPJ: 76.977.768/0001-81 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.