Mulher confirmada para Covid-19 é indiciada por descumprir isolamento em Paranavaí
CATEGORIA: COMUNICAÇÃO - 18 DE ABRIL 2020

  3273
Mulher confirmada para Covid-19 é indiciada por descumprir isolamento em Paranavaí

Uma mulher de 25 anos, testada e confirmada para Covid-19 em Paranavaí, foi abordada na tarde desta sexta-feira (17) pela Polícia Militar descumprindo o isolamento social. A mulher foi indiciada por crime contra a Saúde Pública, promovendo a propagação de doença contagiosa (Art. 286 do Código Penal). Ela assinou um Termo Circunstanciado e foi encaminhada para sua casa.

 

No dia 9 de abril, data em que procurou atendimento médico na UPA 24 horas com sintomas do Coronavírus, a paciente fez a coleta do exame e assinou um Termo de Declaração de Isolamento Social, assumindo a responsabilidade de cumprir as medidas determinadas pelo médico até o dia 23 de abril. 

 

A equipe da Secretaria de Saúde conseguiu fazer o monitoramento do estado de saúde da paciente até o dia 14. A partir desta data ela não atendeu mais o telefone. Na manhã do dia 16 (quinta-feira) o LACEN (Laboratório Central do Paraná) divulgou o laudo do exame, confirmando a paciente para Covid-19. Desde então, a Vigilância em Saúde e a equipe da UBS de referência tentaram contato por telefone para informá-la sobre o resultado do exame, mas não foram atendidos. 

 

As equipes da Saúde chegaram a procurá-la no endereço residencial mais de uma vez, mas não a encontraram. Ontem, a Vigilância recebeu uma denúncia de que a mulher estaria transitando por vários lugares e a Polícia Militar foi acionada para averiguar a situação. Ela foi encontrada na casa de familiares, onde moram, inclusive, pessoas idosas (do grupo de risco). Ela fica sujeita a responder por dois crimes, o de desobediência à Ordem Sanitária e o de propagação de doença contagiosa, que têm como pena detenção de 1 mês até 1 ano.
 

 

 



© COPYRIGHT 2017 - CNPJ: 76.977.768/0001-81 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.