População precisa se vacinar contra febre amarela antes de viajar para áreas de risco
CATEGORIA: SAÚDE - 01 DE FEVEREIRO 2018

  283
População precisa se vacinar contra febre amarela antes de viajar para áreas de risco

Quem está pensando em viajar para cidades que estão na área de risco para febre amarela precisa tomar alguns cuidados. “Existem vários locais com registro de surtos, principalmente cidades dos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, que são alguns dos destinos favoritos para o feriado de carnaval, por exemplo. Quem nunca foi imunizado contra a febre amarela, precisa tomar a vacina pelo menos 10 dias antes de viajar para garantir que ela tenha efeito”, explica a coordenadora do setor de Imunização do município, Míryan Jordão.

 

Quem nunca foi imunizado contra a febre amarela, só precisa procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de sua casa, portando o Cartão de Vacinas. As doses são gratuitas. “Quem já tomou uma dose em qualquer momento da vida já está protegido e não precisa se vacinar novamente, desde que tenha o comprovante de vacinação”, frisa Míryan.

 

A vacina contra a febre amarela é indicada a partir dos 9 meses de vida até os 59 anos, para quem ainda não recebeu nenhuma dose. “As mulheres gestantes e pessoas com mais de 60 anos precisam ser avaliados por um médico antes de receber a vacina, pois há algumas contra indicações. Mas, em geral, a vacina é segura e tem altos índices de eficácia”, enfatiza.

 

A febre amarela é uma doença transmitida por mosquitos, principalmente o Aedes aegypti, que também transmite a dengue, a Chikungunya e Zika vírus. Em Paranavaí não há casos registrados da doença. No Paraná também não há casos confirmados desde 2008, mas no Brasil, o Ministério da Saúde já registrou 130 casos da doença de julho de 2017 até agora – 53 pessoas morreram neste período.

 

 



© COPYRIGHT 2017 - CNPJ: 76.977.768/0001-81 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.